O Programa Comunidade Viva Sem Fome tem o propósito de garantir segurança alimentar para 1.200 famílias de Belo Horizonte e região metropolitana que vivem em situação de extrema pobreza, fornecendo um kit mensal de alimentos e itens de higiene e limpeza. As comunidades atendidas são indicadas a partir do diagnóstico realizado pela equipe do projeto Periferia Viva.

Os territórios prioritários são os que têm os mais baixos níveis de IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) e os mais altos índices de vulnerabilidade social e risco à violência da RMBH.

Quanto às famílias atendidas, são priorizadas as que estão sem renda ou com renda extremamente precária e que têm maior quantidade de crianças e adolescentes. Todo o processo conta com o apoio de uma comissão interinstitucional, constituída por representantes das entidades parceiras da campanha.

público

Famílias sem renda ou de baixa renda que vivem nos territórios que têm os mais baixos níveis de IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) e os mais altos índices de vulnerabilidade social e risco à violência da RMBH. Mensalmente, 1.200 famílias são beneficiadas com kits de alimentos e itens de higiene e limpeza.

AÇÕES REALIZADAS

Confira a seguir as principais ações empreendidas.

Distribuição mensal de 1.200 kits de alimentos e itens de higiene e limpeza

Os kits são destinados às famílias sem renda ou de baixa renda que vivem nos territórios que têm os mais baixos níveis de IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) e os mais altos índices de vulnerabilidade social e risco à violência da RMBH.

Distribuição de 600 litros de leite

As doações de leite foram destinadas às entidades de atenção à primeira infância vinculadas ao Periferia Viva.

parcerias do projeto

Cáritas Brasileira Regional Minas Gerais
UFMG
AMIS
Movimento Dias Melhores

galeria

produções